Noite do pijama: Sonho demais.

Ser adolescente é cheio de desvantagens. Espinhas, primeiro amor, micos, descobrir quem você quer ser hoje e quem você quer se tornar no futuro. Em meio a tantas coisas ruins é díficil pensar no que ganhamos em troca disso. Isso é fácil. Nós temos uma imaginação potente. Quando criança você provavelmente viveu em um castelo, foi salva por príncipes ou até mesmo venceu seu próprio vilão. Há quem diga que a inocência vai embora e com ela nossos sonhos mais bobos. Mas temos um milhão de razões para discordar dessa teoria. Afinal, quantas vezes você já se pegou sorrindo sonhando com o poder de voar? Ou talvez com super robôs do futuro que façam todo o dever pra você? (Ok, esse é meu sonho, confessei!). A verdade é que quando crescemos, nossa imaginação ganha trilha sonora e em muitas vezes, asas. Deixar a mente vaguear de vez em quando não é nem de longe errado. Afinal, quem nunca quis ser uma princesa? Quem nunca quis lutar contra dragões ou fazer parte do enredo do seu livro favorito? Sonhar alto não é errado. O problema é quando você deixa de viver a realidade porque os sonhos são bons demais. Não rola esquecer que os sonhos só se realizam se você colocar seus lindos pézinhos na estrada. Nossos sonhos de adultos também são bem individualistas. Muitas vezes não dividimos, nem com aqueles que nós amamos, os nossos sonhos. Alguns porque achamos bobos demais, outros porque são pessoais demais. Então, anota aí: algumas pessoas que te amam podem te ajudar com esses sonhos (o de voar, literalmente, ainda não é possível. Mas deixa marcadinho pra um futuro próximo, certo?). É uma delícia imaginar você viajando para o lugar que sempre sonhou e se divertindo com as amigas, mas não é muito melhor quando você realiza esses sonhos? Isso não quer dizer que você precisa sair por aí com uma plaquinha “colabore com meu sonho”. Ele é seu. Um pedaçinho de você que não importa o quanto tentem tirar de você, sempre vai ser seu. E não tem problema nenhum colocar uma boa música e imaginar você vivendo todos os seus sonhos, até aqueles em que você vai para a lua ou casa com o Zac Efron. Afinal, o que seria desse mundo cinza sem a cor dourado dos seus sonhos? Nunca deixe de sonhar. Não importa o quão alto você suba, por um bom sonho o tombo vale a pena.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s