(Quase) pronta para crescer.

Ontem parei para pensar que faltam apenas um ano e nove meses para eu chegar a tão esperada maior idade (e só estou contando por causa do carro, até porque pretendo ficar na casa da mamis e do papis por um tempinho ainda). O caso é que, eu precisava decidir o que queria ser quando eu realmente crescesse. Quer dizer, princesa não é uma opção, pelo menos não por enquanto. Só o fato de pensar que depois de acabar a escola, vou ter que decidir qual carreira vou seguir e se quero começar uma família de imediato, já me deu um medo danado. Mas o caso é que, tenho tempo e não tenho tempo. Aproveitei demais todos os meus anos de criança. Amei cada segundo que passei carregando uma boneca de um lado para o outro e ajudando meu pai com nosso jardim. Não tive pressa nenhuma para crescer, aliás, nunca quis crescer. Por muito tempo desejei que o Peter Pan existisse de verdade, mas agora não tenho mais medo. Aprendi que todo esse tempo que a gente tem antes de virar “adulto”, foi feito para pensar. Tomar decisões e se arrepender delas. Voltar atrás ou seguir em frente. Todo esse tempo eu mudei de decisão tão rápido sobre tudo, que já não concordo com a maioria dos sonhos que tinha antes. Todo o medo que eu tinha de crescer acabou se tornando numa vontade absurda de começar a viver por mim mesma. Crescer tinha que ser incluso nos meus planos uma hora ou outra. E eu estou amando essa sensação.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s