Recheada de amor

large (26)

Vamos com calma vida, você bem que podia disponibilizar um controle em pudéssemos dar uma pausa em alguns minutos pra viver aqueles segundos como se fosse uma eternidade, pensava assim. Mas acabei de deparando com você, um alguém que faz com que eu não precise de um controle do tempo já que você faz eu me perder nas horas e nos dias e ser capaz de esquecer até que dia é hoje. Um agradecimento especial pra você meu amor, não porque hoje seja uma data especial ou algo do tipo, mas é que você merece ser parabenizado por suportar o meu caos e me amar em meio aos meus devaneios. Obrigado pelo café da manhã servido por uma xícara de amor quente, um prato recheado de carinho, e flores delicadas por serem tão frágeis, mas com cores tão fortes que me mostram força e isso me lembra seu toque que é tão carinhoso, mas ao mesmo tempo tão forte. Hoje é um dia comum, saí cedo de casa, li, conversei com uma meia duzia de pessoas, dormi de cansaço em um ônibus que eu nem preciso ler o letreiro pra ver para onde vai, só de olhar a cara conhecida do motorista do ônibus posso dar uma corrida entrar e tentar me sentir confortável em uma cadeira que mal dá pra esticar as pernas, e ainda estava do lado que o sol batia em plena meio dia. Fiz um tanto de coisa e passei a tarde enfurnada no meu cantinho favorito da casa. E você estava longe, mas não o suficiente pra fazer com que eu me esquecesse de você. Você esteve aqui o tempo todo, desde a hora que abri os olhos e lembrei dos seus, que tem um tom de castanho médio lindo, que clareiam tanto quando o sol se encontra com sua íris que me vejo perdida neles. Além disso você está dentro do meu coração, e também estava perto o suficiente do alcance das minhas mãos, mesmo que uma moldura enquadre seu sorriso, é você ali e isso me faz sorrir. Obrigado pelas conversas corriqueiras, pelos conselhos, pelos abraços repentinos, por pegar na minha mão pra caminhar não apenas nas ruas, mas pra caminharmos juntos pela vida. Obrigado por dividir sonhos, um casaco, músicas e a vida. Obrigado por deitar e sentir meu cafuné, por me ouvir cantar até rouca e dizer que fica comigo e não escolhe outra cantora qualquer. Por ser tão amável e adiar sua ida só pra ficarmos um pouco mais abraçados já pensando na saudade da semana toda. Obrigado por ser tão você, deixar que eu seja tão eu, que no fim somos tão nós que nos tornamos um só.

Anúncios

2 comentários sobre “Recheada de amor

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s