Fique aqui comigo

large

A última vez que saí da sua casa trouxe o cheiro que mais amo impregnado no meu corpo, que é o seu. Aquele abraço com cara de abrigo e manhã de domingo. A última vez que te vi já me deixou com saudades, e foi ontem. É desde quando você se fez casa e me pediu pra casar contigo sob as estrelas em frente ao mar, ou em qualquer lugar.

Você é o encontro do rio com o mar, o doce e o salgado. Tudo ao mesmo tempo, e só você me faz com que eu perca as horas ou adiante meu relógio numa sexta-feira pra me arrumar só pra ir te ver. Já faz tempo que decidimos caminhas de mãos dadas e ganharmos o mundo juntos. Mas só me cresce a vontade de te escrever, mesmo quando eu estou feliz e sei que é nesse momento que eu perco minhas palavras eu sinto uma vontade imensa de te relatar.

Eu esperei o sol nascer bem fraquinho e deixei que seus raios alisassem meu rosto logo cedo para me aquecer numa manhã bem fria já que seu corpo estava longe do meu. Dessa vez não poderia passar meus pés gelados em você para que você saltasse de susto assim que os sentisse. Venha comigo depois que o sol se for e o tempo do trabalho terminar para que possamos deitar e eu prometo que irei ler mais um dos meus textos para você, eu sei que gosta. Venha comigo para viajarmos e andar de mãos dadas em algum parque qualquer.

Eu quero que amanheça e eu acorde com o som da chuva batendo na nossa janela e e sinta seus braços em volta do meu corpo, sei que ali estarei segura. Eu só quero viver a vida contigo todos os dias que me restam, porque ela é mais feliz contigo ao meu lado.

O quente do nosso amor

large

Toda vez que te vejo sinto a mesma sensação de quando olho as estrelas, vejo uma luz que não é igual a nenhuma outra que já tenha visto. Você é único e sinto que é especial da melhor forma possível. É engraçado como me olha de manhã e sorri inocente achando que não te farei cocegas pra te despertar. E o que é mais louco é que só você sabe ouvi minhas frases mais coerentes e as que não tem sentido algum também. Você também pegou minha mão e me chamou para dançar em uma noite em um lugar qualquer e no fim daquela noite nossos pés estavam cansados e doloridos, mas nossos corações estavam transbordando amor e felicidade.

Era época de chuva e de fogos de artifícios, mas nada era mais barulhento do que meu coração que insistia em batucar no meu peito bobo toda vez que nos abraçávamos. Não importa a estação do ano, se eu sou do sol e você da chuva, se nos apaixonamos no outono, sei que amores como o nosso são pro ano todo, pra uma vida inteira.

Você me ensinou que nossos corpos tem velocidades diferentes das coisas que tocamos e eu fico encantada com toda palavra que sai da sua boca e você não tem noção disso. Talvez eu mostre um pouco minha cara de boba, mas eu tento me fazer de forte, mas seu entusiamo com a vida me tira do chão. Queria fugir com você pra Paris e de lá te arrastar pra ver o resto do mundo, mas eu não preciso disso porque quando te olho no fundo dos olhos sei que já encontrei pra onde fugir.

Ainda está na época do frio, mas eu me sinto aquecida por completa por você.

Sobre aprender a amar

large

No dia de hoje te escrevi várias coisas e gosto de destina-las à você, porque o seu endereço é o que me interessa realmente. Sempre falo de amor e cheguei a conclusão que amor é sinônimo de companheirismo, cumplicidade, amizade, respeito, cuidado e afeto. É pensar no outro, nas coisas que trazem um sorriso no rosto da pessoa que amamos. Amor é pedir a Deus todas as noites que guarde aquele que amamos, livre de todo mal e realize todos sonhos dela. Amar é vibrar por cada conquista por menor que seja, é chorar e sofrer junto no momento de tristeza. É ser abrigo quando o outro se sentir desemparado. Amar é implicar com o outro, cuidar de cada ferida, gripe. Fingir que conhece a medicina só pra tentar descobrir a cura rápida. Amar é comer algo e pensar no quanto o outro amaria aquele prato. É tirar uma foto e imaginar o quanto o outro amaria ter tirado aquela foto. É dar tudo de si para ver o outro feliz, é dividir momentos, é segurar a mão para atravessar a rua, é dividir o lençol, o filme favorito, o casaco, a cama, as dancinhas vergonhosas. É amar cada detalhe do corpo do outro, amar por inteiro.  Amar é aprender mais do outro e mais de si mesmo. É testar e ver até onde vai a paciência, é entender que o outro é diferente e as diferenças te fizeram ama-lo também. Amar é enxergar no outro tudo que sempre quis e se surpreender com as demais descobertas. Amar é doce e faz um bem danado pra alma, é o melhor sentimento. Amar é aprender ser uma pessoa melhor. É ter ciúmes, mas se controlar porque o medo some e a certeza prevalece de que você já tem o coração da pessoa por completo. Amar é se doar, ajudar, aprender inglês, álgebra e politica só para ensinar o outro. Amar é tanta coisa e as vezes é tão pouca. Amar é a cura de todos os males e viver a maior plenitude da vida.

A última do ano

large-2

365 dias exatos que foram vividos repletos de amor, mais um ano se passou e sim eu queria fechar o ano com um tempo sobre amor. Sobre o que me move e me motiva a viver. Tem aquela velha música que diz: “Quando penso em alguém, só penso em você”, e sim é você que aparece nos meus sonhos a noite, é seu rosto que já imagino quando acordo e meus olhos nem estão abertos. É seu beijo e abraço que quero receber de primeira pela manhã porque não a nada melhor nesse mundo do que acordar e me sentir amada logo cedo, sem maquiagem, despenteada e com o rosto inchado. São os seus olhos que quero poder continuar vendo e mergulhando na imensidão do seu universo toda vez que me olha e sorri. É em seus braços que quero continuar achando abrigo sempre que precisa e quando não precisar também. É em seu colo que eu quero continuar a chamar de abrigo. É seu toque que eu quero ter pra sempre meu. Quero continuar segurando sua mão e saber que ali é o encaixo perfeito para a minha. Queria poder tocar violão, escrever um música, recitar um poema, te pintar em um quadro ou fazer qualquer tipo de arte a mais, eu só sei escrever e mostrar a você e ao mundo o quanto você é importante pra mim, e como você tem todo meu coração pra você não deixou espaço pra mais ninguém.

Esse ano enxerguei que seu nome se auto tatuou em meu peito e que você dominou meus sentimentos e me fez refém desse amor tão gostoso de viver. Já vivemos tanto, que se eu acreditasse em vidas passadas diria que já nos amamos antes, várias e várias vezes porque temos uma sintonia perfeita, um encaixe equilibrado entre a pressa e calma, entre o agora e o depois. Mas creio que é só isso de nascemos destinados um ao outro e por mais que eu pare para pensar que demorou 18 anos das nossas vidas até enxergarmos que era ali o momento certo de nos entregarmos ao que chamamos de amor. Chegou a hora e vivemos cada dia de forma única, e mesmo não estando juntos todos os dias eu te sinto comigo do acordar ao dormir, porque amar é isso também de estar longe mesmo sabendo que estamos juntos, mesmo que seja no coração um do outro.

O ano tá dando tchau, estou me despendido do ano e sei que estarei de mãos dadas com você entrando de pé direito no ano que nascerá pra vivermos mais dias e meses juntos conquistando mais um ano e o recheando e transbordando amor, porque sem amor nada vale a pena. Obrigado por viver comigo e embarcar nessa aventura da vida é amor. Eu te amo. Esse é o último texto de amor do ano pra dizer que em todos próximos terão muitos mais. Muito amor pra todos e feliz 2017!

Pra falar de nós

large

Bem lá trás cheguei a pensar que poderia ir e te ver ficar, e eu ficaria calma e seguiria tranquila. Mas descobri que se eu for eu te levo junto comigo, do meu lado e dentro de mim. Porque não existe forma menos clichê de dizer que te carrego comigo onde eu for, já me disseram até que quando eu sorrio pareço que pronuncio seu nome, isso é sinônimo de felicidade. É fato que dentro de nós carregamos nossas malas de lembranças e essa bagagens são imensas. Somos constelações infinitas de momentos, sonhos e desejos.

Ao mesmo tempo que nossas luzes piscam na mesma frequência, elas param de repetem e mudam os ritmos e os caminhos ficam embaraçados e é difícil caminhar assim. Só que só de te olhar e pegar em sua mão a calmaria volta a tomar conta do meu ser e as palavras que as vezes me aparecem na ponta da língua somem, porque eu simplesmente me desmonto com seu olhar e é difícil para mim aceitar que eu não sou tão forte quanto eu penso. Mas eu amo esse sentimento que me toma por inteira e me faz querer esquecer do mundo e viver o momento só entre nós dois.

Poderia até dizer que foi acidental tropeçar na vida e ir de encontro a sua, foi a melhor colisão que já vivi. É que a vida seria cruel demais se não me fizesse ir de encontro a você. Porque qualquer tristeza ao seu lado faz com que tudo desmorone e as coisas fiquem se sentido, e qualquer felicidade é extrema eterna. Você já sabe que sou bem metódica e gosto de tudo organizado e não gosto de metades, gosto por inteiro. E bom, as vezes sinto uma vontade imensa mais uma vez, sou tão mais feliz com você.

Se reconstruir

large-4

Desculpe o transtorno, é um bom jeito para começar esse texto de hoje. Queria falar do amor próprio, daquele que achamos que não existe precisamos aprender a desenvolve-lo. Aquele amor que deve vim antes dos outros, que muita gente pode dizer que na verdade só egoismo disfarçado de bem querer, mas na realidade é algo que precisa caminhar bem com nosso corpo e alma.

Li mais cedo uma frase assim: “Só porque você achou alguém não se perca.”, é isso que acontece com muita gente já vi isso de perto, e uma vez uma amiga gostava tanto de um carinha que pensava que o seu sentimento por ele supriria todas necessidades e estava errada, porque o querer dele vinha primeiro do que o dela. E no fim ela acabou aprendendo que antes de satisfazer as pessoas deve pensar se tal ação a deixará satisfeita primeiramente. É amor próprio.

Não sou doutora, conhecida ou muito menos conhecedora das questões racionais e emocionais, só o que eu conheço é o meu dia a dia, conheço o meu redor e gosto de abrir esse leque imenso que é o apego emocional para poder falar. Tem tanta gente que entra em uns relacionamentos de cabeça, dão mergulhos profundos e muitas vezes não voltam a superfície para respirar. Porque os relacionamentos se tornam sufocantes. Amam tanto o próximo que esquecem de se amar antes de mais nada. Dependem tanto da opinião alheia que acaba perdendo o costume de dar sua própria opinião.

Complexo é abrir mão de algo que construiu com alguém e criar coragem para trilhar um novo caminho sozinha, mas não sabem que nada melhor do que a própria companhia. É chato falar:” Eu te amo, mas eu me amo mais.”, “eu te amo, mas acho que chegou a hora de ir embora.” , até porque não sabem por limites em certos relacionamentos  e não conseguimos dar aquele velho adeus.

Acho que no fundo é toda uma questão de querer ser feliz realmente, se colocar em primeiro lugar e querer construir sua própria felicidade. Queria essas pessoas soubessem que as vezes precisam deixar tudo pra trás por mais doloroso que seja e embarcar a caminho da felicidade.

Quem diria

large (1)

Você é o meu porto seguro, e eu sou a sua  corda de segurança. Você é meu amigo, o melhor de todos, meu amor e companheiro. Sou sua menina mulher, sua flor de primavera e sol de todos os dias. Olhando pra trás quem diria que hoje seriamos tudo isso? Todo esse amor? Ninguém, além de Deus. Eu não consigo fechar meus olhos sem que sua imagem apareça para sorrindo para mim e sorrio lembrando. Você não consegue sair sem a minha presença e me enxergar em tudo ao seu redor. Quem diria que sua foto seria meu plano de fundo e que seu perfume exalaria no meu guarda‐roupa. Quem diria que fotos minhas estariam espalhadas pela sua casa e você teria meus bilhetes colados na porta do seu guarda‐roupa.

As fazes que todo mundo fala de um relacionamento temos visto passar, mas é como se nos apaixonássemos mais uma vez toda manhã. A cobrança que todo mundo fala existe, normal em todo relacionamento ela está presente, mas com a gente a paz reina e se houver estresse tudo bem, também a vida é feita de bons dias e dos ruins. A lição que o amor traz é que se existe amor deve haver compressão e cuidado com os ações. Talvez seja por isso que nos damos tão bem porque pensamos tanto antes de agir um com o outro e aquele medo de magoar, entristecer e fazer o outro chorar é grande, porque só queremos trazer sorrisos e sensações boas para o outro.

Quem diria que a nossa melhor companhia seria ter o outro, o sol e o mar nos aninhando ao entardecer. Quem diria que eu sairia da minha zona de conforto um certo dia para poder aceitar que tava te amando de verdade, olhar o céu azul e lembrar que tinha encontrado o abrigo que tanto procurei. Quem diria que os meses passaríamos e deitaríamos naquela cama de sempre e conversaríamos sobre os sonhos e planejaríamos um futuro, uma casa com a nossa cara e umas viagens para guardar na memória da câmera e nas nossas. É verdade que ninguém imaginaria que estaríamos juntos  hoje, nem ontem muito menos a dois anos atrás, mas olha só como a vida nos surpreende e de vez em quando pra melhor, é só se permitir amar além de você mesmo.